© 2017 por Mauricio de Paiva Raffaelli. Orgulhosamente criado com Wix.com

Conhecendo um pouco das patologias que acometem a região do cotovelo

Dor no Cotovelo em Crianças Pequenas
 

   Cuidado quando alguma criança próxima escorregar perto de você, e com a maior das boas intenções tentemos puxar a criança pelo braço tentando evitar uma queda pior!!!! Este tranco reflete no cotovelo, que faz a criança começar a chorar e imediatamente para de mexer o cotovelo, reclamando de dor, causando uma patologia conhecida como Pronação Dolorosa (Pulled Elbow). Ocorre neste caso uma pequena luxação (sair do lugar) da cabeça do rádio na altura do cotovelo, que com uma discreta manobra faz a dor desaparecer da mesma maneira rápida que apareceu!!!! Não deixa seqüelas e permite rápido retorno aos movimento da criança, porém procure um serviço médico para realizar esta manobra de colocar o cotovelo da criança no lugar.

Inchaço no Cotovelo
 

   Quadro de grande inchaço na região posterior do cotovelo que pode ou não limitar a movimentação, tem como principal diagnóstico a BURSITE NO COTOVELO (bursite olecrâniana). Ocorrer por causa de traumas, escoriações repetitivas por apoio constante no cotovelo, por acumulo de ácido úrico (GOTA) e quadro infeccioso, . Tratado inicialmente com uso de medicação anti-inflamatória, imobilização, aplicação de gelo e antibiótico (se necessário), porém quando nada resolve este inchaço, ou ele se repete constantemente deve ser tratado cirurgicamente.

Dor de Cotovelo
 

    Várias são as causas para apresentar, literalmente, dor de cotovelo, mas a mais comum é a dor causada na região lateral do cotovelo, muito associada a mobilidade do cotovelo, antebraço, punho e mãos, na realização das mais diversas atividades, como comprimentar as pessoas e abrir garrafas de refrigerante. Esta patologia, conhecida como cotovelo do tenista, é uma inflamação ou lesão da origem dos tendões que esticam o punho e os dedos (musculatura extensora), e é chamada de EPICONDILITE LATERAL. O tratamento desta patologia, na maioria das vezes, é realizado com uso de medicação e fisioterapia, mas é realizado por um longo período. Não havendo melhora com este método podemos realizar infiltrações locais, tratamento com terapia de ondas de choque (TOC) e cirurgia (aberta ou artroscopica)..... Aos primeiros sintomas procure seu ortopedista de confiança, pois quanto mais precoce o tratamento, mais rápida sua recuperação, porém em alguns casos esta recuperação pode ser bastante demorada, mesmo com tratamento correto.

Ruptura do Bíceps
 

   Durante atividade física ou após queda ao solo você sente uma forte dor na altura do cotovelo, juntamente com um alto estalo, permanece com dor ao mexer o cotovelo e nota um abaulamento no braço, seguido de um grande hematoma no cotovelo. VOCÊ ACABA DE ROMPER O TENDÃO DO BÍCEPS, sinal presente no caso de ruptura do bíceps é a presença do abaulamento no braço, chamado de " sinal do popeye". A ruptura é diagnosticada com realização de ultrassonografia ou ressonância magnética. Pode ser tratada de forma não cirúrgica (depende de sua idade, doença associadas e o quanto você usa seu braço no dia-a-dia) ou cirúrgica, realizando nova fixação do tendão na altura do cotovelo. A principal percepção é a perda de força na torção do antebraço ( exemplo - na hora de parafusar algo, ou cumprimentar as pessoas), quando sentir estes sintomas procure um ortopedista para diagnóstico e discuta o melhor tratamento no seu caso.